Gentrilogy - Trilogia da Gentrificação apresenta nova programação de atividades

Laura Burocco apresenta na próxima quinta-feira, 22.08, a CONVERSA VLT, que vai contar com visita mediada, aula e roda de conversa.


Apresentando mais uma atividade complementar da exposição Gentrilogy – Trilogia da Gentrificação, @Laura Burocco apresenta na próxima quinta-feira, 22.08, a CONVERSA VLT, que vai contar com visita mediada, aula e roda de conversa. Tudo a partir de 15h, direto da galeria 5. Confira a programação completa: 15h às 16h > Breve visita da exposição + apresentação do Mapeamento do VLT / Capacetando

16h às 16h30 > Breviário

Amanda Costa. Carioca, nascida em 1985, é artista, arquiteta, urbanista e poeta. É atraída pelo ambiente construído, quer percorrer o triz da relação entre a criação dos espaços e suas subjetividades, com atitudes visuais, arquitetônicas e intermitentes. Publicou o livro ‘ser é star’ e os livretos ‘Ppk danada’ e ‘Mestiçagem’ e ‘Merci’. Realiza trabalhos como: Shopchão é Show: Lixo de Artista (Rio e São Paulo, 2018-19); Bandeira Nova (Salão Vermelho de Arte Degenerada, Atelier Sanitário, Rio, 2019); Vagalight (Residência São João, 2018); Eu te vi (Galeria Brevemente, Oficinas do Convento, Montemor-o-Novo, Portugal, 2017); Shopchão é Show (Coisa Pública, Despina, Rio, 2016); Cangotes (Residência Nuvem, V. Mauá, 2015; Ses’art Lab, Les Berges de Seine, Paris, 2014; Tokyo Design Week, Japão, 2011).

16h30 às 17h > Atravessamentos de lugar, chão: habitação, exílios e afetos

Inês Nin. Artista-pesquisadora com formação em filosofia, artes visuais e cinema/mídia. Escrita, filme, corpo, objetos e lugares, habitados transversalmente. É sobre movimento, afeto e subjetividades, ambiente. Escuta. Nunca uma coisa só. Esteve presente em exposições, residências artísticas e eventos de performance entre Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Goiânia, Bruxelas/Bélgica e San José/Costa Rica. Ministra cursos e oficinas. Cuida do projeto azuis (de asfalto, afetos, atos ~ reflorestar e significar) e seus desdobramentos (derivaceleste). Investiga culturas e práticas de tradução entre alteridades. Escreve sobre ações artísticas, conceitos, micropolíticas, deslocamentos e acasos, além de poemas. 

17h às 18h > Roda de conversa

Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica

Rua Luis de Camões 68, Praça Tiradentes - Rio de Janeiro

Contato

  • Preto Ícone Facebook
  • Instagram ícone social